quinta-feira, 9 de março de 2017

Última hora: liminar concedida hoje cassa 10.479 inscrições na CGADB

Acaba de sair na Comarca de Peixe Boi, PA, nova liminar que cancela liminarmante 10479 inscrições irregulares para votar na CGADB, seguindo a mesma linha adotada pelo juiz da Comarca de Corumbá, GO. O autor da Ação de Obrigação de Fazer Cumulado Com Tutela Antecipada é o pastor João Alves Gomes, devidamente registrado no quadro de filiados da CGADB, que alega ter a Comissão Eleitoral ter aberto prazo para a correção de irregularidades sem nenhuma base legal. É mais uma dentre tantas - parece que outras ainda virão - que reconhece o quadro caótico do atual processo eleitoral simplesmente porque faltou à Mesa Diretora da CGADB a transparência assumida no acordo entre as partes.

5 comentários:

Pastor Ival Teodoro da Silva disse...

Isso é uma vergonha. Como esses pastores têm coragem de subir ao Pulpito, para ministrar e orar pelo povo?

Pastor Ival Teodoro da Silva disse...

Isso é uma vergonha.

Janio Camargo disse...

E o pior não temem a Deus e nem respeitam os homens .

JERRI Adriane disse...

Os pseudo líderes se acham donos dá "igreja", mas só vão adiante com suas loucuras por causa da covardia , omissão de muitos e o desejo de ganharem dinheiro fácil de outros. Não se cale em favor do povo de DEUS Nobre Pastor.

Pr. Marcos Teodoro da Silva disse...

Tem que ser preso estes bando que se dizem ser pastores. Tem que ser denunciado ao ministério publico, para investigar estes grupo da situação que estão ai a tanto tempo fazendo todo tipo de crime que não é de hoje.