terça-feira, 2 de março de 2010

Órgãos da CGADB mantêm veto à Bíblia Dake

Conforme publicou o blog Point Rhema, do pastor Carlos Roberto, o Conselho de Doutrina e a Comissão de Apologética da CGADB, reunidos na última sexta-feira, dia 26 de fevereiro, em Campinas, SP, mantiveram os termos da primeira resolução, reiterando que a CPAD suspenda as vendas da Bíblia Dake e recolha os exemplares aìnda disponíveis em suas livrarias.

Não se esperava outra postura de ambos os órgãos. Louvável a manutenção do veto, visto que tais resoluções, estatutariamente, não são meros pareceres, mas decisões a serem acatadas, conforme o mesmo estatuto, por seu caráter deliberativo.

É de lamentar-se que a primeira resolução não tenha sido considerada em sua decisão, visto que a CPAD insistiu em continuar vendendo o "produto" e trazer uma segunda edição aos respectivos órgãos com os cortes das "incongruências" que passaram na "primeira peneira", sem atinar para o que deliberava o documento: a suspensão das vendas.

Segundo se soube, numa primeira e rápida passada de olhos feita na reunião (talvez, o pastor Carlos Roberto possa confirmar o fato) foram encontradas novamente três ou quatro "incongruências" que acabaram passando pela "segunda peneira", o que comprova a menção feita no blog O Balido, do Judson Canto, do que já fora afirmado na primeira resolução: "Trata-se de um pensamento que norteia todo o texto, não se tratando de casos isolados".

Por outro lado, a necessidade de os órgãos da CGADB já mencionados se reunirem uma segunda vez para tratar do mesmo assunto e reiterar a mesma posição, em virtude do não acatamento da CPAD, trouxe profundo desgaste institucional e, infelizmente, deixou a imagem dos que a dirigem seriamente arranhada.

Para concluir, é de esperar-se que não se repita a mesma "ladainha", numa nova tentativa de mudar a decisão, mas haja o cumprimento cabal da resolução para que, com o tempo, a credibilidade da direção da Casa seja restaurada.

É por isso que estamos orando.

25 comentários:

Joao Augusto de Oliveira disse...

Parabens a CGADB pelo veto...que a CPAD acate humildemente e que Deus seja em tudo glorificado...

Pr Alessandro Garcia disse...

Pr Geremias, a paz do Senhor.

Qual seria o verdadeiro motivo para a CPAD insistir na publicação desta Bíblia? Quais as opções de Bíblia de estudo que poderiam ser editadas pela Casa, que atendem à nossa realidade doutrinária?

Que Deus continue te abençoando.

Newton Carpintero, pr. e servo disse...

Prezamado pr. Geremias do Couto,

A paz do Senhor!

Aproveito este espaço para reafirmar o meu comentário postado no blog O Balido do nobre Judson Canto:

Prezamado Judson Canto,

A paz do Senhor!

Insisto com firmeza, que se abdique do título, que anteriormente, não me incomodava, e no momento me causa estranheza que tantos nobres não identifiquem como um pseudônimo a manutenção da palavra BÍBLIA aos Livros de Estudos.

A permanência do título, identificará a permanência da vaidade e da necessidade da associação, com o que é sagrado, e não plenamente solicito à verdade, mediante tantas falhas encontradas, não somente na dake, mas em outras que com certeza, não merecem o título de Bíblias em seu estudo pessoal ou comunitário. Vejam, por exemplo, as novas traduções da Bíblia…………….

O Senhor seja contigo!

O menor de todos.

Pr Alessandro Garcia disse...

Pr Geremias, achei que a notícia a seguir fosse interessante e poderia ser publicada neste blog, caso o irmão esteja de acordo.

Diferente do que era esperado, por se tratar de uma pré candidata a presidência da república declaradamente evangélica, a atual senadora pelo Partido Verde, Marina Silva, disse em entrevista que caso vença as eleições não irá se opor à união civil entre pessoas do mesmo sexo.
Visite: Gospel, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel

Ela pertencente à igreja Assembleia de Deus, que como algumas igrejas evangélicas não apoia nenhum tipo de ação a favor dos direitos homossexuais.

A senadora disse: “Minha posição pessoal não se coloca relevante para o Estado, para políticas públicas. Minha posição pessoal é a luz da minha fé, não tenho como pensar diferente. Em relação a discriminar qualquer pessoa, o Estado não vai fazer isso de forma alguma.”

Fonte: Correio do Estado / Gospel+
Via: Folha Gospel
http://noticias.gospelmais.com.br/marina-silva-evangelica-presidente-casamento-gay.html

O povo precisa saber quem é quem na história.

Moisés Pena disse...

Paz Pr. Geremias,

Acredito que a CPAD agiu ou "agirá" corretamente pois é uma publicadora confessional.

Muito prazer ter lhe conhecido aqui em Belo Horizonte.

Paz,

Tony Ayres disse...

Prezado Pastor Geremias:

Penso que este incidente possa, talvez, despertar a direção da CPAD para que coloque mais a ética em evidência, do que os seus interesses comerciais.

Houve um tempo, não muito distante, em que muitos pastores da AD pelo Brasil afora, perceberam que a CPAD havia se transformado (a despeito de sua missão, idealizada pelos pioneiros que a criaram)numa mera empresa comercial.

Isso entristeceu o coração de muitos irmãos, que sempre tiveram carinho e orgulho pela Casa, até então.

Sem dúvida, há que ter-se lucro para que uma editora sobreviva. Mas a nossa CPAD não foi concebida para colocar o lucro acima da divulgação da Palavra e da educação cristã.

Durante anos temos assistido o compromisso doutrinário de editoras confessionais co-irmãs,colocados antes do interesse financeiro.

Até mesmo livros de editoras católicas, como a Vozes, a Paulinas e a Paulus passam por um rigoroso crivo, antes de serem editados.

Por que, no caso da CPAD haveria de ser diferente?

O episódio do lançamento da Bíblia Dake demonstrou que a CPAD não pode prescindir de um compromisso ético para com a denominação que representa; tampouco não pode eximir-se de decisões deliberativas de órgãos que estão acima de sua esfera de ação.

Cordialmente,

Tony Ayres

PB. João Eduardo disse...

Á paz do senhor jesus!. Parabéns pelo blog, suas postagens sempre são feitas com entendimento de causa e temperança. Quero dizer que infelizmente no meu modo de ver a DAKE causou uma ferida em nossa cpad, e que só o tempo poderá curar (se puder).
Creio que uma editora confessional como é a cpad não poderia ter se exposto como o fez, ou seja, o estrago ja esta feito.

Abraços.

Philadelfia - Evangelismo e Louvor disse...

Paz, Pr. Geremias!

Parabenizo ao Conselho de Doutrina e Comissão de Apologética pela manutenção do Veto.

Espero que a CGADB acate a recomendação/resolução, encaminhe à CPAD e esta execute-a na íntegra e poupe a nossa instituição. Não precisamos continuar nessa "quebra de braço", que só agrava a crise já existente, na véspera do nosso Centenário.

Deus tenha misericórdia de nós!

Daladier Lima disse...

Prezados, muito provavelmente nenhuma providência prática será tomada, porque a CPAD tornou-se um ente com vida e governo próprios. Uma Convenção dentro da CPAD. Assim como cada presidente de Convenção faz e acontece e a CGADB apenas faz a política da boa vizinhança, da mesma forma irá se comportar agora. Que os fatos me desmintam.
O acontecimento só vem confirmar a deturpação total do sistema. Precisamos reagir rapidamente.

Pastor Geremias Couto disse...

Caro pastor Alessandro Garcia:

Sei das posições pessoais da senadora Marina da Silva alinhadas aos pontos defendidos pela nossa fé. Ela já deu demonstrações disso de forma muito clara numa entrevista à revista Veja.

A frase: "Em relação a discriminar qualquer pessoa, o Estado não vai fazer isso de forma alguma" não me permite uma avaliação mais profunda, pois em linhas gerais é isso que se espera de quem governa. Acho, digamos assim, que tenha sido uma resposta "política".

Mas se a senadora Marina da Silva tiver posições dúbias que venham privilegiar determinados segmentos em detrimento de outros, serei aqui uma voz profética como tenho procurado ser em outras circunstâncias, como é o caso do PLC 122/06.

Abraços!

Pastor Geremias Couto disse...

Caro Tony Ayres:

Esperamos que o epísódio sirva para trazer a CPAD de volta para o eixo de sua principal finalidade: servir a igreja.

Abraços!

Pastor Geremias Couto disse...

Caro pastor Newton:

Certamente os comentários não são a Bíblia, no entanto como se acompanham dela o marketing se apropriou da marca para vender um produto. Assim como aí nos Estados Unidos (a nossa "boa" terrinha), outras virão com os nomes de famosos, pois, ainda que dizer isso estremeça a muitos, o meio evangélico hoje é pra lá de um excelente mercado.

Abraços!

Pastor Geremias Couto disse...

Caro Moisés Pena:

Foi um prazer conhecê-lo neste domingo, dia 28 de fevereiro, quando de minha visita à AD de Belo Horizonte, MG, sob o pastorado do nosso querido pastor Moisés Silvestre.

Ouvir o seu testemunho alegrou o meu coração. Ainda que muito rapidamente, agradeço-lhe por vir cumprimentar-me ao final do culto.

Abraços!

Pastor Geremias Couto disse...

Caro pb. João Eduardo:

Estamos orando para que essa ferida seja sarada o mais breve possível desde que haja interesse em aplicar o remédio.

Abraços!

Pastor Geremias Couto disse...

Caro João Augusto:

É o que também sinceramente aguardamos.

Abraços!

Pastor Geremias Couto disse...

Caro "Philadelfia" (fugiu-me agora o seu nome!)

Realmente não é mais hora de queda de braço. O melhor caminho, neste e em qualquer episódio, é a humildade. Ela não humilha; exalta!

Abraços!

Pastor Geremias Couto disse...

Caro Daladier:

Sinceramente oro e torço para que a CPAD acate a decisão. Se não, teremos uma crise sem igual em nossa instituição. Será jogar fora a água da banheira e com ela o bebê.

Abraços!

Alexandre Pitante disse...

Paz do senhor, Pr. Geremias do Couto.
Fico feliz por esse impasse estar definitivamente resolvido.

Eu adiquiri um exemplar da Biblia DAKE, e logo vi que continha alguns erros doutrinários, mas enfim ja esta resolvido.

Visite meu blog também. Avivamento pela Palavra é um blog voltado aos amantes da Bíblia sagrada como Verdade Absoluta e que só através Dela seremos mais crentes e mais cheios do Espirito Santo.

http://www.alexandrepitante.blogspot.com/

Siga-nos também.

Fica com Deus.
Um abraço, Alexandre Pitante.

Matias Borba disse...

Pr. Geremias,
a Paz!

Minha preopcupação ainda é sobre novos convertidos e com os que não tem por muito costume a leitura nem a pesquisa, visto que o povo no Brasil ainda lê pouco, temo que tanto a publicação como foi feita, quanto uma crise institucional, deixe a "cabeça" das pessoas confusas quanto ao valor da CPAD e quanto aos homens que a regem.

Resta-me orar, pois pelo que vejo, está difícil alguém reconhecer o erro.

Deus abençoe e parabéns pela verdade em sua vida e palavras!
Abraços!

valdemir pires disse...

Parabéns pelo o veto da cgadb e pelo bom trabalho do conselho de doutrina e da comissão apologetica são essas atitudes que me faz me sentir mais feliz em ser um pentecostal e membro das Assembléias de Deus. mesmo depeois desse deslize da CPAD ela continua sendo a minha editora preferida e creio de todos os pentecostais.

Victor Leonardo Barbosa disse...

Olá pastor Geremias, a Paz do Senhor!

Graças à Deus, tal obra foi vetada. Eu particularmente estava um tanto quanto apreensivo em ver a possibilidade de ser publicada uma 2° edição da Dake, com os erros doutrinários "corrigidos". Mas a posição do conselho de doutrina e de apologética revelaram-se firmes e fortes contra a heresia.

Agora, oremos para que a CPAD acate tal decisão e que o quanto antes tal obra seja retirada do mercado.

Infelizmente, como já afirmei no GQL, o prejuízo ainda vai aparecer durante algum tempo, tendo em vista a quantidade de exemplares vendidas e obreiros que beberam( e que gole devem ter dado) no conteúdo da Dake.

Que Deus o abençoe e que o senhor continue sendo exemplo de testemunho cristão e em pelejar pela verdade.

Forte abraço!

Pr. Carlos Roberto disse...

Caro amigo e pastor,
Geremias do Couto!

A Paz do Senhor!

Devido interagirmos no POINT RHEMA e também alhures (essa nào sai mais!rsrs, findei por não comentar aqui, o que faço agora.

Confirmo sua citação em suposição. Realmente em rápida olhada, já se averiguou vários outras incongruências não deletadas, o que confirma os termos da primeira resolução, que já preconizava falhas de caráter estrutural na obra, pelo menos em relação a nossa doutrina!

Parabéns pelo post.
Oremos e aguardemos!
Um grande abraço,
Pr. Carlos Roberto

PB. João Eduardo Silva disse...

É lamentável esses fatos acontecerem na nossa Assembléia de Deus, já não bastasse chegarmos RACHADOS no centenário.
Congrego no Min.Belém em SP, e fico observando a disputa entre JW e SC, meu Deus onde isso chegará?. Um abre igreja em SP, o outro para revidar abre em Belém do Pará.
Ambos não se perdoam e eu pergunto, como esses líderes vão ensinar o povo a perdoar se eles não se perdoam?, estou triste por tudo isso.
Abraços e mais uma vez parabéns pelo blog.

Marcelo disse...

Pastor Geremias,
a graça e a paz.

Há um jovem da minha igreja, muito estudioso, que sempre compra novas Bíblias e livros. Ele comprou a Bíblia Dake. Soube que há problemas doutrinários nela, de repente na doutrina da Trindade. Ora, esse irmão foi Testemunha de Jeová, o que me deixa apreensivo quanto a isso. Será que os irmãos já não têm em mãos os defeitos da Bíblia Dake? Que doutrinas nefastas ela apresenta? Como vou orientar esse irmão? Ele é obediente, não está nem mais lendo a Bíblia Dake? Será que ele teria o direito de ter o seu dinheiro devolvido, já que comprou uma Bíblia achando tratar-se de uma Bíblia evangélica, já que publicada por uma editora evangélica?

Marcelo Hagah
João Pessoa-PB

Pr. José Alberto de Araújo disse...

Dou graças a DEUS pela seriedade e compromisso espiritual desses homens de DEUS que fazem nossa CGADB especialmente o conselho de doutrina e toda a mesa diretora. Mas quanto à cpad já nos inspira preocupação pois de lá vem as revistas da escola dominical,o jornal mensageiro da paz e o manual do obreiro dentre os vários títulos de livros a ser publicados.
Minhas orações são para que estes ortodoxos servos de DEUS façam o que for necessário para que nossa CPAD não perca sua ortodoxia e continue merecendo nossa credibilidade como um órgão da CGADB fiel à palavra de DEUS.