sexta-feira, 2 de outubro de 2009

David Wilkerson: um chamado à angústia

Acabei de receber a indicação da mensagem abaixo de um amigo do coração. Foi pregada por David Wilkerson e nos adverte contra a zona de conforto em que nos encontramos, enquanto o mundo, as igrejas e muitos ministérios estão, de fato, em ruína, como estava Jerusalém na época de Neemias.

Vale a pena ouvi-la. É profética. É desafiante. É contemporânea diante de tantos descalabros no meio evangélico. Está em inglês, mas busque a ajuda de alguém que possa interpretá-la para você. Se você tem compromisso com Deus, não ficará indiferente a ela.



Para ajudar aos que ainda não compreendem o inglês, leia abaixo o trecho da mensagem traduzido para o português. Mas antes de ler, sugiro que ouça a versão em inglês.

Quando olho o cenário inteiro da religião hoje, tudo o que vejo são invenções e ministérios de homens e da carne. Eles são, sobretudo, impotentes. Não têm impacto sobre o mundo. Vejo mais o mundo vindo para dentro da igreja e impactando-a do que a igreja impactando o mundo.

Vejo a música tomar conta da casa de Deus. Vejo o entretenimento tomar conta da casa de Deus. Há uma obsessão com o entretenimento na casa de Deus e um ódio contra a correção, contra a reprovação. Ninguém mais quer ouvir sobre isto.

O que aconteceu com a angústia na casa de Deus? O que aconteceu com a angústia no ministério? Esta é uma palavra que você não quer ouvir nesta era de conforto. Você não quer ouvi-la.

Angústia significa extrema dor e aflição. As emoções ficam tão agitadas que se tornam dolorosas. Profunda dor aguda interior devido à sua condição, ao que está dentro de você ou em volta de você.

Angústia.

Profunda tristeza.

Agonia vinda do coração de Deus.

Temos uma retórica religiosa e uma conversa sobre reavivamento, mas são coisas que se tornaram muito passivas.

Toda verdadeira paixão nasce da angústia. Toda verdadeira paixão por Cristo tem origem em um batismo de angústia.

Quando você pesquisa as Escrituras, descobre que, quando Deus determinou recuperar uma situação arruinada, ele partilhou a sua própria angústia por aquilo que viu acontecer em sua igreja e em meio ao seu povo. E ele encontrou um homem de oração, tomou esse homem e literalmente o batizou na angústia.

Você encontra isto no livro de Neemias.

Jerusalém está em ruínas. Como Deus vai lidar com a situação? Como Deus restaurará a ruína?

Amigos, olhem para mim. Neemias não era um pregador. Ele era um profissional. Mas era um homem de oração!

Deus encontrou um homem que não tinha apenas um lampejo de emoção. Não apenas alguém com alguma explosão repentina de preocupação, para, em seguida, deixá-la morrer.

O que ele fez? “Assentei-me, e chorei, e lamentei por alguns dias; e estive jejuando e orando perante o Deus dos céus”.

Por que não outros homens? Por que eles não têm a resposta? Por que Deus não os usa na restauração? Por que eles não têm uma palavra?

Porque não há neles nenhum sinal de angústia.

Não há choro!

Não há uma palavra de oração!

Tudo é ruína!

Isto importa a você hoje? Não importa a todos vocês que a Jerusalém espiritual, a igreja, esteja agora casada com o mundo? Que há uma frieza que varre a terra?
Mais do que isso. Você não se importa acerca da Jerusalém que está em nossos próprios corações? Não vê o sinal da ruína que está sugando lentamente o nosso poder e paixão espirituais?

Estamos cegos para a indiferença!

Estamos cegos para a mescla que rasteja diante de nós!

Tudo o que o diabo quer fazer é começar a lutar com você.

E matá-lo!

Então você não irar mais lutar em oração!

Você não irá mais chorar diante de Deus!

Você pode assentar-se e assistir televisão, enquanto a sua família vai para o inferno!

Deixe-me perguntar-lhe:

O que acabei de dizer é que vocês estão condenados em tudo?

Há uma grande diferença entre angústia e preocupação. Preocupação é alguma coisa que começa interessar a você. Você passa a ter interesse em um projeto, uma causa ou uma necessidade.

Deixe-me lhe dizer alguma coisa que tenho aprendido durante os meus 50 anos como pregador. Se você não é nascido da angústia, se essa angústia não tiver nascido pelo Espírito Santo, tudo o que você viu e ouviu da ruína que o levou a estar de joelhos, a quebrantar-se em um batismo de angústia mediante o qual começou a orar e buscar a Deus – agora sei, oh, Deus, realmente agora sei – até que eu esteja em agonia, até que eu esteja angustiado por causa disso. E todos os nossos projetos, todos os nossos ministros, tudo o que fazemos... Onde estão os professores de Escola Dominical que choram por suas crianças porque sabem que elas não estão ouvindo e indo para o inferno?

Saiba que a verdadeira vida de oração começa no lugar da angústia!

Saiba que quando você estabelecer o seu coração para orar, Deus virá ao seu encontro e compartilhará o seu próprio coração com você.

Então o seu coração começará a clamar: “Oh, Deus, o seu nome está sendo blasfemado. O Espírito Santo está sendo ridicularizado. O inimigo tenta destruir o testemunho de fidelidade ao Senhor. E alguma coisa precisa ser feita”.

Não haverá renovação, não haverá avivamento, não haverá despertamento até que estejamos dispostos a deixar que Deus nos quebrante uma vez mais.

Amigos, está-se tornando tarde e está se tornando sério!

Por favor, não me diga... Não me diga que você está preocupado, enquanto você gasta horas diante da Internet e da televisão!

Venha!

Senhor, há alguma necessidade de se chegar a este altar e confessar:

“Eu não sou aquilo que imaginava.

“Eu não estou aonde supunha estar.

“Deus, eu não tenho o seu coração, nem a sua carga.

“Eu tenho desejado que isto seja fácil.

“Eu apenas quero ser feliz.

“Mas, Senhor, a verdadeira alegria vem da angústia.

“Não há nada da carne que nos possa dar alegria.

“Não me importa quanto dinheiro você tenha, não me importa a sua nova casa, não há absolutamente nada físico que dará alegria a você.

“Isto acontece apenas quando é realizado pelo Espírito Santo, quando você o obedece e toma par si o seu próprio coração.

“Construa muros em volta de sua família.

“Construa muros em volta do seu coração.

“Torne-se forte e invencível contra o inimigo.

“Deus, é isto que desejamos”.

29 comentários:

Juber Donizete Gonçalves disse...

Pr. Geremias do Couto,

Me lembro de ter lido há uns 20 anos, o livro de David Wilkerson, editado pela CPAD, "Toca a Trombeta em Sião". O livro é impactante, considerando o momento histórico em que foi escrito (por volta de 1985), mas com uma grande mensagem. Wilkerson é uma voz profética que tem clamado à anos nos EUA, denunciando a situação em que se encontra as igrejas. Parabéns pela postagem.

Abraço.

André Quirino disse...

Nobre pastor e mestre Geremias do Couto, a paz do Senhor!

Ainda nem li o texto em sua totalidade, mas fazia algum tempo que não passava por aqui... Ando meio distanciado da blogosfera, porque estava empenhado na escrita de meu livro, que agora está sob análise na Casa Publicadora.

Que bom que o senhor está de volta às lides!

Ainda este mês, o senhor e o Pr. César Moisés Carvalho estarão aqui no Estado do Espírito Santo. Farei o possível para estar presente.

Se estiver, então, até lá! Que Deus continue lhe abençoando.

Um forte abraço!

Sonia disse...

Pr. Geremias, A Paz do Senhor!
Este seu artigo que acabei de ler, trouxe-me consolo espiritual, pois eu me encontro indignada com tantos escândalos e aberrações acontecendo no meio evangélico. Agora entendo que essa indignação, melhor interpretada como angústia espiritual, vem do proprio Deus através do Espírito Santo, para que possamos reconstruir em oração, as fortalezas que foram abaladas.
Que Deus continue abençoando sua vida e seu Ministério!

Pastor Geremias Couto disse...

Prezada irmã Sonia:

Apenas para retificar: o artigo não é de minha autoria, mas é a tradução de um trecho da mensagem pregada pelo pastor David Wilkerson, que a irmã pode também ouvir em inglês no link acima.

Deus lhe abençoe.

Sonia disse...

Pastor Geremias
Parabenizo sua postura ética, mas de qualquer forma, o trecho escolhido para tradução foi excelente, pois me forneceu um esclarecimento sustentável, para que eu pudesse me tranquilizar em razão da angústia inexplicável que vinha sentindo até então.
Sonia Valerio da Costa

Pr Alessandro Garcia disse...

Esse tipo de mensagem está em extinção. O que vemos por aí não passa de tagarelismo empolgante com falta de sinceridade.
Precisamos, ainda que poucos em número, nos preocupar em buscar em Deus mensagens como esta. O mundo precisa ouvir a genuína mensagem do evangelho.

Sugiro também a exibição da mensagem de Paul Washer (www.youtube.com/watch?v=uuabITeO4l8)

SALDANHA disse...

A paz do Senhor! Wilkerson é sem dúvida uma voz profética que Deus tem levantado nesses dias de frieza espiritual. Essa mensagem falou muito comigo... parabéns pela postagem dessa mensagem.

Silvio Araujo disse...

Quanta diferença do discurdo de Morris Cerullo...

Jean Patrik disse...

A paz do Senhor pastor Geremias!!!

Essas palavras me faz lembrar para que o Senhor Jesus me chamou.

O engraçado é que o obreiro comentava isso comigo hoje no culto.

Pode até ser que as pessoas não gostem o que vamos falar, mas a realidade é que temos um compromisso com Deus, e mediante o caminho que a igreja está tomando, não podemos nos calarmos, precisamos continuar sendo a voz de Deus aqui na terra.
Mundo não pode mudar a igreja, não podemos nos conformar com isso (Rm. 12.1-2)

Um grande abraço!!!

Jean Patrik disse...

Há espero o senhor no meu blog, será uma honra te-lo la.

George Arrais disse...

A Paz do Sonhor, Pr. Geremias.

David Wilkerson continuará sempre atual.

Se tivéssemos mais dessas mensagens em nossos púlpitos, quanta diferença faria. Quantas pessoas abririam os corações a Deus em vez de abrirem os bolsos aos mercenários.

Comparando essa mensagem com as que a gente vê por aí, percebe-se que a banalização do evangelho aumenta a medida que as pregações vão ficando menos bíblicas. Quem se manteria "no ar" por 24 horas, ou receberia "ofertas" e "dízimos" astronômicos dizendo: "Você pode assentar-se e assistir televisão, enquanto a sua família vai para o inferno!"...

Construamos "muros em volta da nossa família"! Construamos "muros em volta dos nossos corações"!

George Arrais
devocionaldominical.blogspot.com

Silas Daniel disse...

Caro Geremias, a Paz do Senhor!

No início de setembro, fui edificado por esta mensagem do pastor David Wilkerson no blog dos meninos da "Geração que Lamba". Inclusive, para quem não tem familiaridade com o inglês, indico o link lá, pois traz esta mensagem com legendas em português. Eis o link:

http://gqlgeracaoquelamba.blogspot.com/2009/09/um-chamado-angustia-por-david-wilkerson.html

E no Youtube é possível ouvi-la também legendada. O endereço ali é: http://www.youtube.com/watch?v=XAYxFvw-7K4

No mais, que bom vê-lo novamente na ativa. Boa recuperação!

Forte abraço!

Pastor Geremias Couto disse...

Caro Silas Daniel:

Recebi a indicação deste vídeo de um amigo dos Estados Unidos e logo o postei por achar única e atualíssima sua mensagem para o momento em que vivemos. Traduzi para facilitar aos brasileiros que não têm acesso ao inglês.

Mas que bom saber que o Geração que Lamba já tinha postado desde 1 de setembro, já legendado em Português. Passei por lá e também vi. Vou ainda postar o meu comentário. E ainda há a opção do You Tube, como você mencionou.

Isso só me diz uma coisa: o Espírito está soprando, aqui e ali. Precisamos seguir-lhe a direção e sentir o peso - a angústia vinda de Deus - pela ruína que grassa em muitos dos nosso segmentos.

Abraços

Maya Felix disse...

Prezado Pastor,

Os dias são maus. No Ocidente os cristãos têm trocado a bênção de Deus por um prato de lentilhas, com evangelhos de prosperidade e diversão barata. Essa mensagem é mais que oportuna. Tive a oportunidade de vê-la no Blog Geração Que Lamba e também postei no meu blog. Os últimos acontecimentos na AD me fazem perceber o quanto estamos, moralmente, eticamente, espiritualmente, longe da vontade do Senhor. Meu coração sofre ao perceber que a Igreja confortável é também descompromissada com o Evangelho. Onde há perseguição nossos irmãos têm sido fieis até a morte, mas aqui, com muito dinheiro e poder, o pecado toma conta de lideranças e a cegueira invade o coração do povo.

Um abraço,

Maya

Pastor César Moisés disse...

Caro Mestre Geremias do Couto,

Eu e minha esposa ouvimos a mensagem na noite passada. Confesso que não contive as lágrimas, pois há muito, muito tempo que não ouço algo tão tocante.

Dia desses, ministrando um estudo bíblico aqui na CPAD, falei acerca do "Maior perigo dos últimos tempos". Como os estudos são baseados nas epístolas e segue a sequência dos capítulos, coube-me falar sobre 2 Timóteo 4.

Entre algumas coisas, disse aos irmãos que o maior perigo dos últimos tempos, não está relacionado aos descuidados com o meio ambiente, a política, a educação, a saúde etc. Apesar de reconhecer que todas essas áreas merecem atenção, disse que o maior problema da igreja atual é que ela foi corrompida e também corrompe.

Só existe gente pregando mensagens erradas porque as pessoas não querem ouvir a verdade; e elas não querem ouvir a verdade porque anteriormente, alguém as acostumou, as aculturou, as privou do exercício do escrutínio, da crítica e da reflexão.

Se os bereanos mereceram elogios do historiador (foram considerados "nobres"), médico e evangelista Lucas, pois após ouvirem Paulo e Silas, e terem recebido a palavra de boa vontade,examinavam "cada dia nas Escrituras" a fim de verificarem se o que eles pregaram condizia com a verdade veterotestamentária; na atualidade, o analfabetismo bíblico-teológico grassa em nosso meio.

continua...

Pastor César Moisés disse...

continuação...

Ufanismo, triunfalismo, fanatismo, acriticidade, fantasia barata e mensagens "àgua com açúcar" ou "algodão doce", formam a dieta e o estilo preferidos dos crentes hoje.

Mas, fiquei feliz ao ouvir a mensagem de Wilkerson e pude perceber que, mesmo estando anos-luz do perfil deste servo de Deus, estou no caminho certo. O que disse naquele dia é realmente o maior perigo dos últimos tempos: pregadores corrompidos e corruptores e audiência corrompida e corruptora! Essa é a fórmula da simbiose maligna, a qual Paulo advertiu Timóteo que dela se guardasse e que, pode acometer qualquer um de nós se não nos cuidarmos!

Na introdução da mensagem expus o seguinte: "Dessa forma, ao estudar este capítulo, é preciso pensar sobre o tipo de liderança exercida na Igreja do primeiro século, bem como a questão do exercício e das 'fontes' de autoridade que presidem a 'comunidade de fé' (expressão preferida de Lutero), nos dias atuais, além de definir o seu modus vivendi e operandi. Primeiramente é preciso refletir acerca das categorias de 'fontes de autoridade', as quais são duas: externas e internas. As externas são representadas pela (1) Autoridade Canônica (Neste caso é preciso ter segurança de que a Bíblia está sendo corretamente interpretada); (2) Autoridade Teológica (Como posso ter certeza que a minha perspectiva teológica é a mais correta e não suplanta a Bíblia?); (3) Autoridade Eclesiástica (A Igreja é o Corpo de Cristo e a liderança é parte deste organismo, tendo o dever de servir o povo de Deus a fim de edificá-lo. Será que isso está acontecendo?). As 'fontes internas' da autoridade religiosa são: (4) A Experiência como autoridade (O quanto há de objetividade ou subjetividade nas experiências pessoais?); e (5) A Razão humana como autoridade (Neste caso, não pode ser esquecido o fato de que a razão não é totalmente confiável, pois todo o nosso ser foi comprometido na Queda)".

Para ler na íntegra, acesse:
http://marketingparaescoladominical.blogspot.com/2009/09/o-maior-perigo-dos-ultimos-tempos.html

Grande abraço

Gutemberg Maciel disse...

Caro Pastor Geremias,
Graça e Paz!

É com lagrimas, que estou comentando esta mensagem. Fui trementamente tocado por Deus. Agordei hoje com uma necessidade muito grande de ouvir algo da parte de Deus, e tenho plena certeza que foi o Espirito, que me direcionou a o seu blog para ouvir esta mensagem, me descupe se ouver algum erro de portugues é que enquanto escrevo este comentário estou em lagrimas. estou sentindo á presença de Deus, como se eu estivesse presente no momento desta pregação. Certamente minha vida e meu ministério não sera, mas o mesmo depois de hoje.

Nos Laços do Calvário
Pr.Gutemberg Maciel

Clóvis disse...

Pr. Geremias,

Na segunda-feira, publicarei um post sobre o Prêmio Dardos, onde indico alguns blogs em retribuição à indicação recebida pelo Cinco Solas. Também fiz uma menção honrosa a outros blogs dignos de visita e linkagem.

É claro que o seu foi considerado.

Mesmo que você não curta esse tipo de promoção mútua, vale a pena dar uma olhada. A final, não é sempre que podemos dizer "and the Oscar goes to..."

Em Cristo,

Clóvis

Alex Malta Raposo disse...

Parabéns pelo blog.

Que o Senhor Deus prossiga abençoando este espaço.

Se quiser conhecer a minha página, o endereço é www.alexmaltta.blogspot.com
Evangelho da Graça

Pastor Geremias Couto disse...

Acredito que esta mensagem precisa ser multiplicada por todo o Brasil. Ela é extremamente necessária nas atuais circunstâncias. Alguns já o fizeram antes de mim. Outros agora o estão fazendo.

Você pode copiá-la tanto deste blog, do Geração Que Lama, da Maya, do Marketing para a Escola Dominical, do Tangle e do próprio You Tube. Vamos fazê-la chegar a milhões de corações cristãos em nossa terra,aos líderes de nossas igrejas, enfim, exerçamos o nosso papel profético enquanto é dia, "pois a noite vem, quando não se pode mais trabalhar".

Contamos com você.

Pr. Carlos Roberto disse...

Caro amigo Pr. Geremias do Couto,

A Paz do Senhor!

Os dias têm sido um tanto recheados de atividades, motivo pelo qual não tenho aqui comentado, se bem que quase todos os dias por aqui passo.

Sôbre a mensagem do Pr. David Wilkerson, nada mais a acrescentar, senão expor aqui que sinceramente chorei ao ouví-la. Os comentaristas que me antecederam já disseram tudo.

Parabéns pela postagem!

Em tempo:
Estou feliz pela sua recuperação, bem como agradecido pelas visitas e comentários no POINT RHEMA, com exclusividade agradeço aqui seu generoso comentário no Post dos meus 50 anos de vida.

Deus te abençoe!

Um grande abraço!

Pr. Carlos Roberto

Marcelo Monteiro disse...

Olá Pr. Geremias do Couto, Graça e Paz do Senhor ! que bom poder ler as coisas nesse blog. que Deus possa dar a vc cada dia mas sabedoria, gostaria de saber se existe guardo em algum lugar os DVDs de tranmissão do Minha Esperança do Ano Passado? estamos aqui em Belém pranejando um grande projeto e gostaria de o maior numero de DVD para distrubuição.
o Sr. pode me enviar um e-mail para marcelo.cris@terra.com.br

felixsilva disse...

paz do SENHOR!!!!
meu nome é feix e agora sou um seguidor do seu blog.gostei muito do seu blog,vc está de parabéns!

http://palavradevidacrista.blogspot.com/

Paulo de Tarso disse...

A paz do senhor pr, queria fazer parcaria com seu blog de link, se o senhor quiser acessar o meu blog e deixa o aviso no mural la e colocarei o seu link lá com muito prazer. http://ochamadoeoide.blogspot.com

Pr. Caleb Castellani disse...

Graça e Paz!

Mensagens como esta pregada pelo Pr. David Wilkerson incomodam o povo.

Lamentavelmente, a mentalidade do povo que se diz evangélico está eivada da filosofia do Pós-modernismo.

O povo deseja ouvir pregações e pregadores "light", em outras palavras, está dentro do que fala Paulo em 2ª Timóteo 4:3 e 4.

Mas o Pregador que fala o que Deus quer que o povo ouça deve continuar sendo porta-voz do Alto.

Parabéns pelo trabalho ao disponibilizar o áudio.

Que Deus use seu servo e desperte aqueles que estão acomodados.

No Senhor da Igreja,
Pr. Caleb Castellani

Gutierres Siqueira disse...

Pr. Geremias, a paz!

Precisamos de atalaias como David Wilkerson. Lembro a determinação dele quando veio ao Brasil para condenar a “teologia da prosperidade”. Além disso, quando ainda novo convertido, eu li o livro “Faminto por Deus” (CPAD), onde me senti tocado em muitas páginas.

Eis aí um verdadeiro pregador pentecostal. Nada comparado com alguns famosos daqui do Brasil.

Clóvis disse...

No aniversário da Reforma, chega à blogosfera o "5 Calvinistas" Não tem nada da importância histórica e teológica dos "Cinco Solas" e dos "Cinco Pontos", mas procura ser fiel a eles. São cinco blogueiros, de confissões religiosas e filiações denominacionais diferentes, mas que têm em comum o calvinismo como visão de mundo e expressão do evangelho de Jesus Cristo, além da disposição de expor e defender a "fé que uma vez por todas foi entregue aos santos" (Jd 1:3).

Oziel disse...

Pastor, postaram e legendaram o vídeo no youtube: http://www.youtube.com/watch?v=XAYxFvw-7K4

Anônimo disse...

Paz do Senhor, meu e-mail é ricardoliveiradasilva@hotmail.com

gostaria de saber se vc tem este livro "um chamado para a angustia" em portugues...

Deus te abençoe